Bem-vindo: Out 19, 2017 8:57

Jun 25, 2015 21:33
J.K DINHEIRO Forista Assíduo
Mensagens: 450
Previdência Social e Previdência Privada
Avatar do usuário
Registrado em:
Set 25, 2014 14:32
 
 
Prezados,

Tem uma analista financeira (não recordo o nome da figura / matéria aqui do infomoney), que "ousou" afirmar, que com a mudança do fator previdenciário (regra 85/95), a previdência social se tornou o melhor investimento. Pergunto: desde quando contribuir até os 70 anos de idade é bom negócio? lembrando que até 2022 o fator será 90/100. Em um país onde o mercado de trabalho se fecha a partir dos 40 anos, em um país onde o alto índice de desemprego é histórico, desde quando contribuir no teto é uma opção? Até os 70 anos. rsrs.

Enfim, me lembrou a "mula" do Frajolla e suas "teorias". kkk

Att,
Antonio

Jun 29, 2015 16:12
J.K DINHEIRO Forista Assíduo
Mensagens: 450
Re: Previdência Social e Previdência Privada
Avatar do usuário
Registrado em:
Set 25, 2014 14:32
 
 
Prezados,

Essa matéria não pode ser séria. Haja vista, o futuro fator 90/100, contribuir com o teto até os 65 anos de idade só pode ser piada. Acho que nem os 20% mais ricos da população brasileira disporiam dessas condições (quiçá! 10%) e se dispusessem, Previdência Social NÃO seria o produto mais interessante. Respeito demais opiniões, mas essa matéria só pode ser uma piada.

http://www.infomoney.com.br/onde-invest ... pecialista

Att,
JK
Editado pela última vez por J.K DINHEIRO em Jul 01, 2015 12:24, em um total de 1 vez.

Jun 29, 2015 16:26
PHODEO Forista VIP
Mensagens: 19755
Re: Previdência Social e Previdência Privada
Avatar do usuário
Registrado em:
Out 07, 2013 12:22
 
 
France Presse
29/06/2015 07h02 - Atualizado em 29/06/2015 08h55

Bolsas caem por temor sobre a crise da Grécia

Imagem

E O IBOV??? COMO FICA???

Imagem

Plano de ajuda a Atenas terminará em 30 de junho e Grécia pode dar calote
Governo grego anunciou o fechamento dos bancos até 6 de julho.

Da France Presse
Facebook

As Bolsas europeias e asiáticas registraram fortes quedas nesta segunda-feira (29) pelo temor de que a Grécia deixe a Zona do Euro.

O risco da saída da Grécia do bloco e da União Europeia aumentou consideravelmente após impasses nas negociações entre líderes europeus e o governo grego. Depois que o Banco Central Europeu (BCE) anunciou que não ampliaria seu fundo emergencial ao país, o governo grego decidiu fechar seus bancos durante a semana e limitar os saques nos caixas automáticos a 60 euros (US$ 66) por dia.

No fim de semana, as autoridades gregas já haviam anunciado que os bancos já não abririam na segunda-feira, o que fez com que longas filas se formassem diante de caixas eletrônicos.

Às 9h30 (4h30 de Brasília), a Bolsa de Frankfurt operava em baixa de 4,23%, Paris perdia 4%, Londres recuava 2,15%, Madri, 4,38%, e Milão, 4,33%.

O euro também operava em baixa, a US$ 1,1081.

CRISE GREGA
País pode dar calote e deixar zona do euro

entenda
e o brasil?
saída da zona do euro
situação econômica da grécia
fotos

O mercado da dívida também foi afetado e a taxa dos títulos da dívida grega a 10 anos aumentou a 14,574%, um recorde desde 2012.

As taxas dos títulos a 10 anos da Espanha e da Itália também registravam alta.

O mercado asiático também operou em forte baixa em consequência da crise grega. A Bolsa de Xangai registrou queda de 3,34%, Tóquio perdeu 2,88%, Sydney caiu 2,23%, Seul 1,42% e Taipé 2,39%.

A Bolsa de Hong Kong fechou em baixa de 2,55%.

As negociações entre Atenas e os credores fracassaram no sábado (27) e aproximaram a Grécia da suspensão de pagamentos (default), o que provoca temores sobre a saída do país da Eurozona.

O primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, provocou espanto ao anunciar um referendo sobre as exigências dos credores, previsto para 5 de julho, após cinco meses de negociações com a União Europeia (UE), o Banco Central Europeu (BCE) e o Fundo Monetário Internacional (FMI).

O plano de ajuda a Atenas terminará em 30 de junho e a Grécia não parece em condições de pagar 1,6 bilhão de euros ao FMI no mesmo dia.

A Grécia amanheceu nesta segunda-feira (29) com agências fechadas após a imposição de um feriado bancário e o anúncio de medidas de controle de capitais.

Os bancos ficarão fechados até o dia 6 de julho e os caixas eletrônicos terão limite diário de saque de 60 euros. Não haverá limite no caso de pagamentos de pensões.

Já os turistas estrangeiros e qualquer pessoa com um cartão de crédito emitido fora da Grécia não serão afetados pelos controles de capitais. A Bolsa de Atenas só voltará a reabrir no dia 7 de julho.
Pensionistas esperam do lado de fora do Banco Nacional da Grécia para receber suas pensões nesta segunda-feira; a Grécia amanheceu com agências fechadas após a imposição de um feriado bancário e o anúncio de medidas de controle de capitais. (Foto: Alexandros Avramidis/Reuters)
Pensionistas esperam do lado de fora do Banco Nacional da Grécia para receber suas pensões nesta segunda-feira; a Grécia amanheceu com agências fechadas após a imposição de um feriado bancário e o anúncio de medidas de controle de capitais. (Foto: Alexandros Avramidis/Reuters)

Entenda
O país passa por um impasse diante de dificuldades de acordo entre o governo grego e os credores de sua dívida (União Europeia, Fundo Monetário Internacional e Banco Central Europeu). No próximo dia 30, a Grécia deve pagar ao FMI 1,6 bilhão de euros - dinheiro que não tem em caixa.

Para fazer o pagamento, o país depende de ajuda financeira. Porém, 7,2 bilhões de euros em ajuda estão bloqueados, sob a condição de que a Grécia realize reformas econômicas. O governo, no entanto, não concorda com as reformas propostas. As medidas cobradas pela União Europeia e pelo FMI como reformas à economia grega incluem mudanças como aumento de impostos e reduções no sistema de aposentadoria.

Atenas fechou seus bancos para evitar uma corrida por saques.
Na China, os mercados foram atingidos por mais volatilidade.

Da Reuters
Facebook
saiba mais

Acompanhe mais cotações do mercado financeiro

Os índices acionários asiáticos registraram fortes quedas nesta segunda-feira (29), com investidores assustados pelo espectro do calote da Grécia que forçou Atenas a fechar seus bancos para evitar uma corrida por saques.

Às 7h51 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão caía 2,1%. O índice tocou, com uma queda de 3%, a mínima de cinco meses.

Na China, os mercados foram atingidos por mais volatilidade numa sessão agitada que levou o índice a cair mais de 7% em um momento.

As turbulências do mercado na China vieram apesar de o banco central do país no sábado ter cortado simultaneamente as taxas de juros e de compulsório pela primeira vez desde a crise financeira global no fim de 2008.

"É um pouco surpreendente que ambos os cortes nas taxas de juros e no compulsório na China tenham acontecido ao mesmo tempo. Isso mostra que as autoridades chinesas sentem uma certa urgência", disse o chefe de operações de clientes da Saxo Capital Markets, Christopher Moltke-Leth.

"A Ásia está em queda devido ao movimento de se livrar de risco em resposta ao que está acontecendo na Europa, na Grécia".

Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 2,88%, a 20.109 pontos.

Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 2,61%, a 25.966 pontos.

Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 3,29%, a 4.054 pontos.

Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 1,42%, a 2.060 pontos.

Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 2,39%, a 9.236 pontos.

Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 1,23%, a 3.280 pontos.

Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 2,23%, a 5.422 pontos.

A decisão de Atenas de fechar a Bolsa e os bancos durante uma semana e de impor um controle de capitais provocava a queda dos mercados de todo o mundo, um dia antes de um possível default (suspensão de pagamentos) do país.

Antecipando a medida, os gregos fizeram nos últimos dias longas filas diante dos caixas eletrônicos para retirar dinheiro.

CRISE GREGA
País pode dar calote e deixar zona do euro

entenda
e o brasil?
saída da zona do euro
situação econômica da grécia
fotos

Em função disso, o transporte público será gratuito em Atenas durante uma semana para aliviar as dificuldades causadas pelo fechamento dos bancos e grande demanda de combustível, anunciou o ministro dos Transportes, Christos Spirtzis.

Os habitantes e os turistas poderão usar ônibus e metrô gratuitamente na capital do país e em sua periferia assim que a decisão for publicada no Diário Oficial na terça-feira.

A iniciativa será mantida até a próxima terça-feira, 7 de julho, dia em que, em princípio, os bancos devem reabrir suas portas.

O primeiro-ministro grego Alexis Tsipras anunciou no domingo a imposição de um controle de capitais e um feriado bancário temporário, ressaltando que a poupança, os salários e as aposentadorias dos cidadãos estão garantidos.

As medidas foram decretadas após a reunião de um comitê encarregado de reagir à crise financeira, para salvar o sistema financeiro do país, que corre o risco de sofrer uma onda de saques diante da possibilidade de moratória.

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, declarou nesta segunda-feira sentir-se "traído" pelo fracasso das negociações entre a Grécia e seus credores, e lamentou que os esforços de última hora não tenham sido levados em consideração.

O governo grego não demorou a responder de forma enfática às declarações Juncker, colocando em dúvida sua "sinceridade" em relação às negociações.

"Um elemento essencial de boa fé e credibilidade em uma negociação é a sinceridade", indicou o porta-voz do Executivo, Gabriel Sakellaridis.

RESUMO DO CASO:
- A Grécia enfrenta uma forte crise econômica por ter gastado mais do que podia
- Essa dívida foi financiada por empréstimos do FMI e do resto da Europa
- Neste terça-feira, vence uma parcela de € 1,6 bilhão da dívida com o FMI, mas o país depende de recursos da Europa para conseguir fazer o pagamento
- Os europeus, no entanto, exigem que o país corte gastos e pensões para liberar os recursos
- No final de semana, o primeiro-ministro grego convocou um referendo para saber se os gregos concordam com as condições europeias para o empréstimo
- Como a crise ficou mais grave, os bancos ficarão fechados até sexta-feira para evitar que os gregos saquem tudo o que têm e quebrem as instituições
- Se a Grécia não pagar o FMI, entrará em "default", o que pode resultar na saída do país da zona do euro
- A saída não é automática e, se acontecer, pode demorar. Não existe um mecanismo de "expulsão" de um país da zona do euro. Um estudo aponta que essa possibilidade é de 60%.
- Se o calote realmente acontecer, a Grécia deve ser suspensa do Eurogrupo e do conselho do BC europeu.
- A Europa pressiona para que a Grécia aceite as condições e fique na região. Isso porque uma saída pode prejudicar a confiança do mundo na região e na moeda única.
- Para a Grécia, a saída do euro significa retomar o controle sobre sua política monetária (que hoje é "terceirizada" para o BC europeu), o que pode ajudar nas exportações, entre outras coisas, mas também deve fechar o país para a entrada de capital estrangeiro e agravar a crise econômica.

Pedido de calma
O primeiro-ministro Alexis Tsipras pediu calma à população. "A recusa do Eurogrupo de prolongar o programa de assistência à Grécia além do dia 30 de junho levou o Banco Central Europeu (BCE) a não aumentar a liquidez dos bancos gregos e obrigou o Banco da Grécia a ativar as medidas de fechamento temporário dos bancos e a limitar dos saques bancários", declarou Tsipras

Tsipras também disse no domingo que voltou a pedir à União Europeia e ao Banco Central Europeu uma extensão do programa de ajuda para o país, que foi rejeitada no sábado.

Segundo ele, o pedido foi feito "ao presidente do Conselho Europeu e aos 18 dirigentes dos Estados-membros, além do presidente do BCE, da Comissão e do Parlamento Europeu". O primeiro-ministro disse que "espera uma resposta imediata".

As medidas foram decretadas após a reunião de um comitê encarregado de reagir à crise financeira, para salvar o sistema financeiro do país, que corre o risco de sofrer uma onda de saques diante da possibilidade de moratória.

O Banco Central Europeu deu um alívio a Atenas neste domingo ao anunciar a manutenção do nível de fornecimento de liquidez com caráter de urgência para os bancos gregos, mas informou que não elevará o limite estabelecido para o sistema de financiamento de emergência.

As autoridades dos bancos centrais surpreenderam os inúmeros analistas que esperavam que o BCE interrompesse, neste domingo, os empréstimos de urgência, conhecidos como ELA, que no momento são a única fonte de financiamento dos bancos gregos e da economia do país.

Fora da Grécia, vários países, entre eles a Alemanha, recomendaram que seus cidadãos levem dinheiro em espécie se viajarem para a Grécia.


Consultoria vê 60% de chance de saída da Grécia da zona do euro
País tem até terça para pagar € 1,6 bilhão ao FMI.
Bancos ficarão fechados durante toda a semana para evitar corrida.

Do G1, em São Paulo
Facebook
Pensionistas discutem com funcionário de uma agência do Banco Nacional da Grécia na Ilha de Creta, na Grécia, após o governo grego fechar os bancos até o dia 6; os caixas automáticos vão reabrir na terça-feira, mas os saques diários serão limitados a € 60 (Foto: Stefanos Rapanis/Reuters)
Pensionistas discutem com funcionário de uma agência do Banco Nacional da Grécia na Ilha de Creta, na Grécia, após o governo grego fechar os bancos até o dia 6; os caixas automáticos vão reabrir na terça-feira, mas os saques diários serão limitados a € 60 (Foto: Stefanos Rapanis/Reuters)

As chances da Grécia deixar a zona do euro e a moeda única europeia já chegaram a 60%, segundo relatório da consultoria Economist Intelligence Unit (EIU), braço da revista britânica "Economist".

A Grécia tem até terça-feira (30) para pagar um empréstimo de € 1,6 bilhão de euros a Fundo Monetário Internacional (FMI), e depende da liberação da ajuda dos demais países europeus para fazer o pagamento.

CRISE GREGA
País pode dar calote e deixar zona do euro

entenda
e o brasil?
saída da zona do euro
situação econômica da grécia
fotos

Mas, no final de semana, o primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, decidiu fazer um referendo no próximo dia 5 de julho para saber se a população aceita as condições desse empréstimo, que incluem alta de impostos e cortes nas aposentadorias. Com isso, o país deve dar o calote no FMI, e pode acabar deixando a zona do euro.

RESUMO DO CASO:
- A Grécia enfrenta uma forte crise econômica por ter gastado mais do que podia
- Essa dívida foi financiada por empréstimos do FMI e do resto da Europa
- Neste terça-feira, vence uma parcela de € 1,6 bilhão da dívida com o FMI, mas o país depende de recursos da Europa para conseguir fazer o pagamento
- Os europeus, no entanto, exigem que o país corte gastos e pensões para liberar os recursos
- No final de semana, o primeiro-ministro grego convocou um referendo para saber se os gregos concordam com as condições europeias para o empréstimo
- Como a crise ficou mais grave, os bancos ficarão fechados até sexta-feira para evitar que os gregos saquem tudo o que têm e quebrem as instituições
- Se a Grécia não pagar o FMI, entrará em "default", o que pode resultar na saída do país da zona do euro
- A saída não é automática e, se acontecer, pode demorar. Não existe um mecanismo de "expulsão" de um país da zona do euro. Um estudo aponta que essa possibilidade é de 60%.
- Se o calote realmente acontecer, a Grécia deve ser suspensa do Eurogrupo e do conselho do BC europeu.
- A Europa pressiona para que a Grécia aceite as condições e fique na região. Isso porque uma saída pode prejudicar a confiança do mundo na região e na moeda única.
- Para a Grécia, a saída do euro significa retomar o controle sobre sua política monetária (que hoje é "terceirizada" para o BC europeu), o que pode ajudar nas exportações, entre outras coisas, mas também deve fechar o país para a entrada de capital estrangeiro e agravar a crise econômica.

Cenários
Segundo a EIU, há três cenários possíveis para a Grécia agora: no primeiro, para ao qual vê entre 10% e 20% de chances, o referendo é evitado, e o governo concorda com as condições impostas pelo resto da Europa.

No segundo, os gregos desafiam o governo e votam "sim" às condições para o empréstimo. A instituição vê entre 20% e 30% de chance de que este cenário se concretize. No terceiro, com 60% de chance, o gregos votam "não" às condições, e o país se prepara para entrar no chamado "default", ou calote.

"As consequências do segundo ou terceiro cenários serão severas. Qualquer um pode levar a instabilidades políticas sérias, provável default e uma maior perspectiva de saída da zona do euro. Nós revisamos nossa estimativa de probabilidade de uma saída da Grécia da zona do euro para 60%, ante os anteriores 40%", diz o relatório.

De acordo com o estudo, a Grécia enfrente um risco significativo de default e de instabilidade doméstica, ambiente em que uma saída do euro será mais provável.

O relatório lembra, no entanto, que existem barreiras legais à saída do bloco, e não há mecanismos para expulsão de um membro da zona do euro. A Grécia, no entanto, pode ser suspensa do Eurogrupo e do conselho do Banco Central europeu em caso de calote.


Jan 27, 2016 14:26
marcelo ville Estreante
Mensagens: 42
Previdencia VGBL banco do brasil
marcelo ville
Registrado em:
Jan 22, 2014 10:11
 
 
tenho um VGBL no BB contratado em 2012, e estou com dificuldade de migrar de plano com taxas melhores , alguém tem plano similar e já passou por esta dificuldade ?

Mar 22, 2016 16:55
TraderX Estreante
Mensagens: 53
Re: Previdência Social e Previdência Privada
Avatar do usuário
Registrado em:
Mai 10, 2011 15:45
 
 
marcelo ville escreveu:tenho um VGBL no BB contratado em 2012, e estou com dificuldade de migrar de plano com taxas melhores , alguém tem plano similar e já passou por esta dificuldade ?

Marcelo, já conseguiu resolver seu problema? Tenho conhecidos que estão passando pelo mesmo.
Editado pela última vez por TraderX em Mar 30, 2016 17:01, em um total de 2 vezes.

Mar 30, 2016 16:56
TraderX Estreante
Mensagens: 53
Re: Previdência Social e Previdência Privada
Avatar do usuário
Registrado em:
Mai 10, 2011 15:45
 
 
Na apresentação do link a seguir, a previdência privada e poupança são tratados como péssimos investimentos. Diz que um dos maiores mitos existentes no mercado financeiro é que planos de previdência privada são uma boa alternativa de investimento para a aposentadoria. Que se fosse comparado o investimento em títulos públicos com um plano de previdência privada conservador, o segundo provavelmente perderia feio em termos de rentabilidade... o que vocês acham? http://bit.ly/1Ta3TjF

Jul 02, 2016 8:18
ldourado1980 Estreante
Mensagens: 1
Re: Previdência Social e Previdência Privada
ldourado1980
Registrado em:
Jul 02, 2016 8:13
 
 
Contribuindo com a discussão pessoal, cito dois artigos recentes de minha autoria que estão disponíveis em:

http://www.historiadeinvestidor.com/#!D ... eais-benefícios-do-VGBL-para-sua-aposentadoria/c1sbz/57768da20cf2f8d6d111eccc

http://www.historiadeinvestidor.com/#!Você-já-analisou-os-detalhes-de-sua-previdência-privada-Confira-por-onde-começar/c1sbz/57641f560cf29542aa2b8f66

Abordo aspectos gerais sobre previdência privada, pgbl e vgbl. Bem como alternativas como tesouro direto.

Jul 02, 2016 11:34
PETRO51 Forista VIP
Mensagens: 17410
Re: Previdência Social e Previdência Privada
Avatar do usuário
Registrado em:
Mar 15, 2015 11:13
 
 
ldourado1980 escreveu:Contribuindo com a discussão pessoal, cito dois artigos recentes de minha autoria que estão disponíveis em:

http://www.historiadeinvestidor.com/#!D ... eais-benefícios-do-VGBL-para-sua-aposentadoria/c1sbz/57768da20cf2f8d6d111eccc

http://www.historiadeinvestidor.com/#!Você-já-analisou-os-detalhes-de-sua-previdência-privada-Confira-por-onde-começar/c1sbz/57641f560cf29542aa2b8f66

Abordo aspectos gerais sobre previdência privada, pgbl e vgbl. Bem como alternativas como tesouro direto.


Aposentar é coisa de vagabhundo

Ago 26, 2016 19:09
marcelo ville Estreante
Mensagens: 42
Re: Previdência Social e Previdência Privada
marcelo ville
Registrado em:
Jan 22, 2014 10:11
 
 
TraderX escreveu:
marcelo ville escreveu:tenho um VGBL no BB contratado em 2012, e estou com dificuldade de migrar de plano com taxas melhores , alguém tem plano similar e já passou por esta dificuldade ?

Marcelo, já conseguiu resolver seu problema? Tenho conhecidos que estão passando pelo mesmo.

Traderx

então ,depois de muitos emails a brasil previ , eles me encaminharam o extrato para eventual portabilidade , tenho um vgbl com taxa de 1,25 % desde 2012, e cotei outros fundos com taxa de adm menor 0,8 a 1,0% , porem os resultados são similares e estou em duvida na migração para outro banco,

Out 21, 2016 17:27
AugustoArraes Estreante
Mensagens: 10
Portabilidade
AugustoArraes
Registrado em:
Out 21, 2016 17:21
 
 
Uma dica bacana é a portabilidade que não tem custos. Você pode comparar a performance do fundo de previdência onde está alocado e se achar outro que renda mais poderá trocar como uma em uma portabilidade de operadoras de celular. A corretora onde trabalho também tem esse tipo de fundo e nesse ano tem gente a rodo buscando a potabilidade. Abraços!

Out 21, 2016 17:34
AugustoArraes Estreante
Mensagens: 10
Re: Previdência Social e Previdência Privada
AugustoArraes
Registrado em:
Out 21, 2016 17:21
 
 
marcelo ville escreveu:
TraderX escreveu:
marcelo ville escreveu:tenho um VGBL no BB contratado em 2012, e estou com dificuldade de migrar de plano com taxas melhores , alguém tem plano similar e já passou por esta dificuldade ?

Marcelo, já conseguiu resolver seu problema? Tenho conhecidos que estão passando pelo mesmo.

Traderx

então ,depois de muitos emails a brasil previ , eles me encaminharam o extrato para eventual portabilidade , tenho um vgbl com taxa de 1,25 % desde 2012, e cotei outros fundos com taxa de adm menor 0,8 a 1,0% , porem os resultados são similares e estou em duvida na migração para outro banco,


Marcelo, procure fundos sem taxa de carregamento. Essas taxas já diminuem o dinheiro que entra na hora do aporte.
Você poderia até investir num fundo com taxa de adm maior só que com rentabilidade que valha a pena, mas só comparando pra saber.
Se precisar de mais ajuda pode me enviar mensagem privada.
Um abraço

Dez 06, 2016 11:02
Fraj0la--x Forista Assíduo
Mensagens: 246
Re: Previdência Social e Previdência Privada
Avatar do usuário
Registrado em:
Fev 27, 2014 11:39
 
 
PEC NÃO SERÁ APROVADA!!
QUIQUIQUI

Dez 07, 2016 17:34
PETRO2630 Forista Assíduo
Mensagens: 664
Re: Previdência Social e Previdência Privada
Avatar do usuário
Registrado em:
Jul 18, 2016 18:09
 
 
Fraj0la--x escreveu:PEC NÃO SERÁ APROVADA!!
QUIQUIQUI

certeza que não vai.

Dez 07, 2016 20:09
PETRO2630 Forista Assíduo
Mensagens: 664
Re: Previdência Social e Previdência Privada
Avatar do usuário
Registrado em:
Jul 18, 2016 18:09
 
 
Imagem

Dez 09, 2016 12:32
Fraj0la--x Forista Assíduo
Mensagens: 246
Re: Previdência Social e Previdência Privada
Avatar do usuário
Registrado em:
Fev 27, 2014 11:39
 
 
Pessoal
Arqueólogos descobriram o 11°mandamento
*Não te aposentarás*

Dez 11, 2016 15:11
J.K DINHEIRO Forista Assíduo
Mensagens: 450
Re: Previdência Social e Previdência Privada
Avatar do usuário
Registrado em:
Set 25, 2014 14:32
 
 
Colegas,

Pelo visto (exceto por trabalhar, necessariamente, registrado), a melhor opção será não contribuir, ou contribuir por 25 anos (mínimo exigido) e ingressar com o pedido de aposentadoria aos 65 anos. Na prática, não compensará mais trabalhar na formalidade.

Concordam?

Ps. Seria interessante abrir-se um tópico com estratégias para aposentadoria diante (caso aprovada) da nova Previdência Social.

JK

Dez 11, 2016 22:32
Fraj0la--x Forista Assíduo
Mensagens: 246
Re: Previdência Social e Previdência Privada
Avatar do usuário
Registrado em:
Fev 27, 2014 11:39
 
 
Perfeito jk
Porém aqui é Brasil e as regras do game mudam sempre.
Terceiro mundo.

Temer nem deve completar seu mandato golpe... Vai vendo...

Dez 12, 2016 19:00
PETRO2630 Forista Assíduo
Mensagens: 664
Re: Previdência Social e Previdência Privada
Avatar do usuário
Registrado em:
Jul 18, 2016 18:09
 
 
NOVA INVESTIGAÇÃO
17h59 PF abre Operação Imprevidência contra fraudes em instituto de previdência


http://www.infomoney.com.br/mercados/noticia/5918329/abre-operacao-imprevidencia-contra-fraudes-instituto-previdencia

Dez 14, 2016 19:07
PETRO2630 Forista Assíduo
Mensagens: 664
Re: Previdência Social e Previdência Privada
Avatar do usuário
Registrado em:
Jul 18, 2016 18:09
 
 
RADAR BOVESPA
Petros quer que CVM investigue gestores de Bradesco e Caixa por perdas em fundos
http://www.infomoney.com.br/mercados/ac ... por-perdas

Dez 16, 2016 15:19
J.K DINHEIRO Forista Assíduo
Mensagens: 450
Re: Previdência Social e Previdência Privada
Avatar do usuário
Registrado em:
Set 25, 2014 14:32
 
 
Caros colegas,

Sinto pena por ver o brasileiro nessa situação (Reforma da Previdência). Querem imputar ao trabalhador os custos da corrupção, má gestão e abusos dos governantes. Pior: é um povo sem educação financeira que, num ato de desespero, corre como gado desgovernado. Muitos desconhecem taxas de administração, carregamento, etc. Previdência privada nunca foi um bom negócio (exceto para os não disciplinados). A que ponto chegamos...Lamentável.

http://www.sbt.com.br/jornalismo/jornal ... asil-.html

Att,
JK

AnteriorPróximo

Voltar para Fundos e Renda Fixa

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante