Bem-vindo: Nov 25, 2017 2:05

Nov 12, 2014 10:15
Sobrosa Forista Assíduo
Mensagens: 142
Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Sobrosa
Registrado em:
Mai 06, 2013 23:10
 
 
Eu sigo sócio, com meu PM a 5,41. Ainda tá me dando uma rentabilidade quase de RF turbinada, rs rs.

Nov 12, 2014 10:36
Paitax Forista VIP
Mensagens: 2555
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Avatar do usuário
Registrado em:
Fev 21, 2013 17:46
 
 
Sobrosa escreveu:Eu sigo sócio, com meu PM a 5,41. Ainda tá me dando uma rentabilidade quase de RF turbinada, rs rs.

Parabéns cara, mas eu me guiei pelo resultado. Não gostei, saí.

Nov 22, 2014 15:25
Marcos Forista VIP
Mensagens: 4193
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Avatar do usuário
Registrado em:
Dez 27, 2007 10:12
 
 
Vendi meus 5K a 6,49 sexta, para ver se dá uma corrigida e consigo recomprar próximo de 6. De Outubro para cá deu uma recuperada legal.

Fev 03, 2015 23:39
Paitax Forista VIP
Mensagens: 2555
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Avatar do usuário
Registrado em:
Fev 21, 2013 17:46
 
 

Fev 12, 2015 16:55
Yuri Cunha Forista Assíduo
Mensagens: 249
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Yuri Cunha
Registrado em:
Fev 05, 2015 14:52
 
 
Alguém com posição comprada nesta companhia?

Vou analisar as demonstrações financeiras dos últimos cinco anos, mas peguei-me curioso com alguns múltiplos "básicos" desta empresa, os quais denotam, a princípio, um grande desconto na cotação atual. Digo isso porque o valor patrimonial por ação é de R$7,74 e o quesito P/L, relativamente ao último ano, deve rondar a casa dos 6,5. A distribuição de proventos, inclusive, é bastante razoável e constante desde 2002.

Assim, pergunto: há alguma razão para a queda de 30% do preço do papel (de R$6,30 para R$ 4,80) de nov/14 até hoje?

Fev 12, 2015 17:01
Lincoln Falcao Forista Assíduo
Mensagens: 1687
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Avatar do usuário
Registrado em:
Set 26, 2011 20:10
 
 
Yuri Cunha escreveu:Alguém com posição comprada nesta companhia?

Vou analisar as demonstrações financeiras dos últimos cinco anos, mas peguei-me curioso com alguns múltiplos "básicos" desta empresa, os quais denotam, a princípio, um grande desconto na cotação atual. Digo isso porque o valor patrimonial por ação é de R$7,74 e o quesito P/L, relativamente ao último ano, deve rondar a casa dos 6,5. A distribuição de proventos, inclusive, é bastante razoável e constante desde 2002.

Assim, pergunto: há alguma razão para a queda de 30% do preço do papel (de R$6,30 para R$ 4,80) de nov/14 até hoje?


Risco da água

Fev 12, 2015 17:08
Yuri Cunha Forista Assíduo
Mensagens: 249
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Yuri Cunha
Registrado em:
Fev 05, 2015 14:52
 
 
Obrigado, Lincoln.

Bom, vou analisar mais detalhadamento o ativo. De qualquer maneira, esse "risco da água", ao que parece, abriu uma bela oportunidade.

Fev 12, 2015 17:12
Yuri Cunha Forista Assíduo
Mensagens: 249
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Yuri Cunha
Registrado em:
Fev 05, 2015 14:52
 
 
Lincoln Falcão, acabei de fazer uma pesquisa rápida sobre o nível de chuva e dos sistemas de abastecimento de água no Paraná: não há risco algum de racionamento por enquanto, haja vista o bom volume de todo o sistema.

Vi que o lucro líquido de 2014 diminuiu em relação ao de 2013, especialmente comparando-se o 3º trimestre de um e outro, mas, mesmo assim, creio que a cotação foi exageradamente penalizada.

A propósito, eis a matéria:

http://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2 ... -agua.html

Fev 12, 2015 17:40
Paitax Forista VIP
Mensagens: 2555
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Avatar do usuário
Registrado em:
Fev 21, 2013 17:46
 
 
Moro no Parana, veja as noticias envolvendo o governo Beto Richa.

Fev 13, 2015 10:26
Yuri Cunha Forista Assíduo
Mensagens: 249
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Yuri Cunha
Registrado em:
Fev 05, 2015 14:52
 
 
Paitax escreveu:Moro no Parana, veja as noticias envolvendo o governo Beto Richa.



Obrigado, Paitax. Acabei de ler algumas notícias a respeito. Vou considerá-las para avaliar o ativo. De qualquer modo, acho que esse "desconto" deve valer o risco. Não sei se o papel buscará novamente a casa dos R$4,40 ou R$4,50...

Fev 13, 2015 10:31
Paitax Forista VIP
Mensagens: 2555
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Avatar do usuário
Registrado em:
Fev 21, 2013 17:46
 
 
Tirando que o governo esta quebrado e o governo tira dinheiro do caixa da sanepar,dificil subir

Mai 11, 2015 13:09
Neymar Forista Assíduo
Mensagens: 604
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Avatar do usuário
Registrado em:
Mai 28, 2012 16:16
 
 
Que ordem de compra/venda é essa da Gradual hein? 720k de uma paulada só...

Mai 19, 2015 10:33
Marcos Forista VIP
Mensagens: 4193
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Avatar do usuário
Registrado em:
Dez 27, 2007 10:12
 
 
Acho que essa notícia pode nos trazer algumas alegrias:

Paraná estuda vender fatias de Copel e Sanepar
19/05/2015 - Fonte: Valor Online

Secretário de Fazenda, Mauro Ricardo: "quando cheguei, havia uns R$ 10 milhões de recursos livres disponíveis" Depois de aprovar uma polêmica alteração na previdência de servidores no Estado, o governo do Paraná agora busca mais medidas para obter recursos. Entre as ideias estudadas, está a de vender fatias de estatais como a Companhia Paranaense de Energia (Copel) e a Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar). "Estamos estudando para levar ao governador. A venda pode ocorrer neste ano, dependendo das condições do mercado", afirma em entrevista ao Valor Mauro Ricardo Machado da Costa, secretário da Fazenda do Estado. As ações das estatais vendidas seriam as do "excedente do controle" do Estado, portanto as empresas permaneceriam sob controle estatal. O Paraná tem 58% das ações ordinárias (com direito a voto) da Copel e 74% das ações ordinárias da Sanepar. O Estado arrecadaria R$ 950 milhões com a venda de todo o controle excedente, de acordo com os economistas do Valor Data. Além da possível venda, o secretário diz que a ordem é que as estatais cortem despesas e gerem o maior dividendo possível para os acionistas - o que geraria caixa para o Estado. A ideia em estudo integra as tentativas de melhorar o quadro das finanças públicas no Paraná na segunda gestão do governador Beto Richa (PSDB). Outras medidas atualmente em estudo para obter receitas são a venda de imóveis estatais, o lançamento de concessões de pátios para veículos, novas concessões de rodovias e até a renovação antecipada de contratos com administradoras de estradas (CCR e EcoRodovias estão entre as potencialmente afetadas). Carlos Magno Andrioli Bittencourt, diretor do curso de Ciências Econômicas da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR), diz que o principal problema do governo atualmente é administrar a dívida. Segundo ele, o governo deve R$ 1,2 bilhão a fornecedores e anunciou nos últimos dias o pagamento de apenas R$ 234 milhões. "O grande problema é essa dívida, que já está vencida", afirma. Ao mesmo tempo em que tenta honrar os compromissos, o recém-empossado secretário da Fazenda diz enfrentar restrições de caixa. "A situação estava muito difícil. Quando cheguei, havia uns R$ 10 milhões de recursos livres disponíveis. Não havia dinheiro para cumprir os compromissos assumidos pela administração. Esse é o problema: dívidas e um orçamento desequilibrado", afirma Mauro Ricardo. Segundo ele, o atual orçamento - produzido em 2014 -superestimou receitas. "A peça orçamentária foi elaborada em junho de 2014, quando se previa um quadro completamente diferente da realidade, com receitas superestimadas. E despesas subestimadas, em especial no aumento de gastos de pessoal, por causa dos reajustes concedidos", afirma. Mauro Ricardo começou a sugerir as mudanças a Richa em novembro, dois meses antes de tomar posse. Até agora, conseguiu apenas parcialmente o que havia proposto - principalmente o aumento de tributos. O imposto sobre a propriedade de veículos automotores (IPVA) subiu 40% e a alíquota de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS) subiu de 12% para 18% ou 25% para 95 mil produtos do varejo. Com esses aumentos, estão previstos mais R$ 1,6 bilhão para os cofres públicos neste ano. Além disso, foi criado ainda o programa Nota Fiscal Paranaense (importado de outros governos), que "devolve" impostos ao consumidor que exige nota fiscal - o que reduz a sonegação e aumenta a arrecadação. As medidas, diz Mauro Ricardo, já começam a dar resultado. Mas o maior problema é de solução mais difícil: as despesas. "Nos últimos dois anos, o Estado apresentou significativa deterioração nas finanças, refletindo principalmente o forte aumento nos gastos operacionais. O Estado subestimou suas necessidades de gastos, resultando em um aumento em suas dívidas com fornecedores e em significativos déficits após empréstimos", afirma relatório recente assinado pela equipe da analista Dominica Zavala, economista da Standard & Poors (S&P). O Estado terminou 2014 com um déficit de R$ 934,2 milhões. Segundo a S&P, agravam o quadro das finanças no Paraná o nível de liquidez considerado "muito fraco", o restrito acesso a fontes de captação de recursos e a limitação ainda mais forte nos próximos anos de disponibilidade de financiamento externo. O maior problema das despesas, diz Mauro Ricardo, está no gasto com pessoal. Desde 2010, o custo com ativos, inativos e pensionistas subiu 80%, para R$ 18 bilhões em 2014. Segundo o Estado, 90% das receitas vão para folha de pagamento (ativos e inativos). "Despesa com pessoal é difícil de reduzir", resume. O Paraná enfrentou, em ano eleitoral, pressões para melhorar a segurança pública e equiparar salários e decidiu elevar o gasto. De acordo com a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), de 2000, despesas com folha de pagamento consolidada, incluindo pagamentos de aposentadorias, não devem ultrapassar 60% das receitas correntes líquidas. Segundo a agência de classificação de risco Fitch, no Paraná o índice atingiu 69% em 2014 e deve continuar acima de 60% até 2016. Segundo o cálculo do Estado, esta relação foi de 54% em 2014. A Fitch acredita que novas medidas não conseguirão fazer os patamares ficarem "aceitáveis" antes de 2020. Há dois meses, a Fitch rebaixou os ratings nacionais do Estado em decorrência da deterioração de seu desempenho fiscal, devido, principalmente, à geração de receitas abaixo do esperado. A manutenção da perspectiva negativa "reflete os desafios que o Estado enfrenta para adotar medidas de corte de despesas e melhorar as receitas até que estas alcancem patamares sustentáveis". A S&P também baixou as notas do Paraná. Para Mauro Ricardo, o Paraná chegou a esse ponto ao assumir compromissos que não podia assumir. "Não houve uma sintonia entre a área de Orçamento e a de Finanças. Isso levou a um orçamento acima da possibilidade de gastos", diz. "O governador acreditou que as contas estavam em ordem, quando na verdade não estavam", completa. O secretário já chegou a anunciar uma meta ousada: contingenciar R$ 11 bilhões no orçamento de 2015. Várias medidas de corte de gastos haviam sido propostas, principalmente no campo "Educação". "É o maior gasto. As distorções estavam aí", afirma. "O mínimo constitucional para se gastar em Educação é 30% [das receitas]. Estamos gastando 34%", afirma. O secretário queria reduzir de R$ 700 para R$ 260 o auxílio transporte de professores, acabar com o esse auxílio em épocas de férias e licença, reduzir o número permitido de licenças médicas (é uma por semana, diz) de professores e lançar outras medidas. Mas todas essas medidas não são mais cogitadas depois da "batalha do Centro Cívico", como foi batizada pela imprensa local a agressão contra manifestantes em 29 de abril. "Não há mais clima", afirma. Nem tão comentado como os secretários da Educação e da Segurança - que, inclusive, já perderam os cargos em meio à crise no Estado -, Mauro Ricardo é o verdadeiro nome por trás do pacote de ajuste fiscal no Paraná. "A situação estava muito difícil. Não havia recursos suficientes para pagar todos os compromissos e havia necessidade de um ajuste", resume. Nascido em Niterói, Mauro Ricardo tem passagens por diferentes gestões tucanas com problema de recursos. Além do Paraná, acumula no currículo experiências do tipo no Estado de São Paulo, na Prefeitura paulista e na Prefeitura de Salvador. Mauro Ricardo diz que outros Estados do país estão com problemas similares. Os ajustes no Paraná só ficaram em maior evidência, diz, porque boa parte dos recursos estava sendo gasto com pessoal - o que gerou uma forte reação popular. "Estou fazendo um trabalho que acho ser o adequado. Até porque, se não for feito o ajuste fiscal, podem esquecer reajustes salariais no futuro. Porque o Estado não ter condições de pagar sequer sua folha de ativos, quanto mais de inativos e pensionistas. Mantida a situação de 2014, estamos nos encaminhando para não ter mais dinheiro para nada. Aí a população precisa decidir: vamos contribuir com impostos para pagar o funcionalismo e não ter mais nenhum benefício do Estado? A situação é muito grave", defende. Economistas ouvidos pelo Valor corroboram a visão de que a dificuldade nas contas existe em outras unidades federativas. "Vários Estados, se não a maioria ou a totalidade, enfrentam sérias adversidades no início de 2015", resume o economista José Roberto Rodrigues Afonso, especialista em finanças públicas. Para o economista Raul Velloso, pelo menos oito Estados estão nessa situação, que é causada por dois motivos, segundo ele. "Em parte eles perderam receita com as desonerações, mas, mais do que isso, eles aproveitaram uma mudança na orientação da União em 2012, que sugeriu não se alcançar mais um resultado primário alto e gastar mais em pessoal. Agora, para ajustar, não tem como demitir e não pode reduzir salário. Há muita gente com salário maior que deveria", defende.

Jun 15, 2015 18:24
PHODEO Forista VIP
Mensagens: 19755
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Avatar do usuário
Registrado em:
Out 07, 2013 12:22
 
 
DENUNCIEM LINKS DE BLOG SEM DÓ. ÚNICA INTENÇÃO É GANHAR CENTAVOS POR CADA ACESSO.
CONTRA AS REGRAS DO INFOMONEY E SEM CONTEÚDO ÚTIL ALGUM.

http://www.defendaseujavali.com
http://www.perdertempo.com
http://www.direitacentrolixo.com
FUJA DE FORISTAS QUE SE INTITULAM "DEFENSORES" POIS NA VERDADE SÓ QUEREM DEFENDER OS CENTAVINHOS DELES, POSTANDO BOBAGENS E COLANDO LIXO AQUI PRA TE ENGANAR.

Jun 15, 2015 22:53
Yuri Cunha Forista Assíduo
Mensagens: 249
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Yuri Cunha
Registrado em:
Fev 05, 2015 14:52
 
 
É bastante paradoxal o comportamento de SAPR4 em relação ao seu par mais próximo, a SBSP3.

O maior problema que vejo aqui é exógeno aos seus fundamentos: a falta de liquidez. Se o papel fosse "popular", certamente não estaria sendo negociado à múltiplos tão baixos.

De todo modo, a dívida aumentou nos últimos 2-3 anos, muito provavelmente em função do persistente déficit entre o ativo e o passivo circulantes nesse período (ainda não parei para analisar profundamente este quesito, então confesso desconhecer os reais motivos dessa baixa liquidez corrente).

Também acho que essa desculpa de que "a falta de chuva está derrubando a cotação" não faz o menor sentido no Paraná...

Jun 15, 2015 23:18
Paitax Forista VIP
Mensagens: 2555
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Avatar do usuário
Registrado em:
Fev 21, 2013 17:46
 
 
Yuri, governo do Estado falido.
Primeiro se endividou, ai começou com a Copel e agora com a Sanepar. Quando estiver um 3 reais conversamos! Kkk

Jun 16, 2015 3:33
Neomalthusiano Forista Assíduo
Mensagens: 739
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Avatar do usuário
Registrado em:
Jan 01, 2012 2:40
 
 
Paitax escreveu:Yuri, governo do Estado falido.
Primeiro se endividou, ai começou com a Copel e agora com a Sanepar. Quando estiver um 3 reais conversamos! Kkk


Pois eu acho que essa é a única solução. Estou há três anos comprado e até hoje só vi sindicalista e empreiteiro enriquecendo as custas dos acionistas. A empresa tem capacidade de geração de caixa para se endividar bem mais que isso. Se o mercado não precifica positivamente a empresa, a única forma de termos retorno é aumentar a dívida de uns 3/5 a 3/4 e distribuir tudo como JCP e dividendos.

Dez 15, 2015 22:01
o jogador Estreante
Mensagens: 1
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
o jogador
Registrado em:
Dez 29, 2008 23:11
 
 
COMPANHIA DE SANEAMENTO DO PARANÁ - SANEPAR
COMPANHIA DE CAPITAL ABERTO
REGISTRO CVM Nº. 01862-7 CNPJ Nº. 76.484.013/0001-45
AVISO AOS ACIONISTAS
A Companhia de Saneamento do Paraná – Sanepar comunica aos Senhores
Acionistas que o Conselho de Administração na 12ª./2015 Reunião Ordinária,
realizada no dia 15 de dezembro de 2015, deliberou pela atribuição de crédito
contábil, em 31 de dezembro de 2015, no montante bruto de R$ 107.224.383,51
(cento e sete milhões, duzentos e vinte e quatro mil, trezentos e oitenta e três reais e
cinquenta e um centavos), referente a “Juros sobre o Capital Próprio”. Esse montante
é em substituição aos dividendos obrigatórios, conforme previsão estatutária e com
base nos resultados alcançados pela Companhia no período de julho a dezembro de
2015, correspondendo a R$ 0,213984236771 por ação ordinária e R$
0,235382660450 por ação preferencial do Capital Social da Sanepar, de acordo com a
posição acionária de 30 de dezembro de 2015, resultando para as ações preferenciais
em um rendimento 10% (dez por cento) superior em relação às ações ordinárias.

O crédito aos acionistas será atribuído com base na posição acionária de 30 de
dezembro de 2015 e complementa o montante creditado contabilmente no primeiro
semestre de 2015 com o mesmo título. Os Juros sobre o Capital Próprio estão sujeitos
à incidência de 15% (quinze por cento) de Imposto de Renda na Fonte, exceto para os
acionistas que declararem ser imunes ou isentos.
A disponibilização financeira dos respectivos valores dos Juros sobre o Capital
Próprio para os acionistas ocorrerá em data a ser definida em Assembleia Geral
Ordinária a ser realizada até o mês de abril de 2016.
A partir de 04 de janeiro de 2016, as ações serão negociadas ex-juros sobre o capital
próprio dos resultados do exercício social de 2015.
Curitiba, 15 de dezembro de 2015.
Ney Amilton Caldas Ferreira
Diretor de Relações com Investidores

icap socando em 3 reais coisa de maluco uma empresa que paga 3 proventos por ano, e nesse preço dividend yield de 17,3% ao ano, nem LCI paga tão bem...

Dez 22, 2015 11:19
Yuri Cunha Forista Assíduo
Mensagens: 249
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Yuri Cunha
Registrado em:
Fev 05, 2015 14:52
 
 
Paitax escreveu:Yuri, governo do Estado falido.
Primeiro se endividou, ai começou com a Copel e agora com a Sanepar. Quando estiver um 3 reais conversamos! Kkk



Paitax, permanece no fórum?

Estamos em 3 reais! Kkkkk!

Montarei posição no próximo ano!

Dez 22, 2015 11:55
Paitax Forista VIP
Mensagens: 2555
Re: Sanepar - SAPR3 / SAPR4
Avatar do usuário
Registrado em:
Fev 21, 2013 17:46
 
 
Yuri Cunha escreveu:
Paitax escreveu:Yuri, governo do Estado falido.
Primeiro se endividou, ai começou com a Copel e agora com a Sanepar. Quando estiver um 3 reais conversamos! Kkk



Paitax, permanece no fórum?

Estamos em 3 reais! Kkkkk!

Montarei posição no próximo ano!

Pois é, foi mais rápido do que pensei.
Porém, continua com a mesma opinião de que o Estado usará cada vez mais a empresa para fechar suas contas.

AnteriorPróximo

Voltar para Mid Caps

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante

cron