Bem-vindo: Set 25, 2017 11:20

Set 16, 2009 12:40
MadMoney Estreante
Mensagens: 78
AES Tietê - GETI3 / GETI4
Avatar do usuário
Registrado em:
Set 08, 2009 9:55
 
 
Qual o motivo desta empresa ter o Patrimônio Liquido tão baixo?

Ela é vendida a um preço de mercado de 7 bilhões, mas tem um PL de 700mi, ou seja P/VP = 10. Como ela lucrou + ou - 700 mi da um ROE impressionante de 100%.

Com certeza, o ROE não é este, e sim o PL que está errado! O que acontece com esta empresa ?

Out 21, 2009 8:49
André, BH-MG Estreante
Mensagens: 51
André, BH-MG
Registrado em:
Jun 26, 2009 10:18
 
 
E ai alguem te deu uma resposta??

Out 21, 2009 8:59
BuyAndHolder Forista Assíduo
Mensagens: 612
Avatar do usuário
Registrado em:
Nov 27, 2007 0:04
 
 
Eu um outro post eu havia comentado que era desnecessário ter patrimônio líquido, se você está montando uma empresa com custo do empréstimo de longo prazo barato.

Ao jogar o empréstimo para o longo prazo distribuindo todo o lucro ao invés de amortizar dívidas adicionais, você simplesmente não faz crescer o patrimônio líquido.

Eu suspeito que seja mais uma questão de distribuição de dívida e não necessidade de amortização de dívidas longas.

Imagina se você vai montar uma empresa.
1) Você pode começar com capital social próprio, ou seja, ativo = patrimônio líquido.
2) Você começa com capital social baixíssimo, e pega todo dinheiro em empréstimo de longuissimo prazo (patrimônio líquido pode ser quase "zero"). Neste caso, a empresa começa a ter lucro e pagar as dívidas de longo prazo, distribuindo o resto para acionistas como dividendo.

Nov 12, 2009 19:58
Volution Estreante
Mensagens: 46
Volution
Registrado em:
Set 29, 2009 8:10
 
 
frajolla escreveu:AES Tietê vê lucro líquido crescer 17,9% durante o terceiro trimestre
12/11/09 - 19h10


SÃO PAULO - Divulgando seu resultado trimestral após o fechamento dos negócios desta quinta-feira (12), a AES Tietê (GETI4) apresentou um lucro líquido de R$ 221,4 milhões, crescimento de 17,9% em comparação ao mesmo período do ano passado, quando registrou ganhos de R$ 187,7 milhões.

Segundo o relatório da empresa, a expansão de sua lucratividade é reflexo do sucesso da política de redução dos custos e despesas operacionais, que durante o período somaram R$ 99,9 milhões, número 2,7% do que foi visto nos mesmos meses de 2008.

Além disso, a companhia destaca o reajuste anual do preço da energia vendida através de contratos bilaterais. Ajustado em julho de acordo com o IGP-M (Índice Geral de Preços do Mercado), o preço passou de R$ 149,72 para R$ 152,00. Em comparação ao segundo quarto deste ano, a expansão foi de 11,1%.

Receita e Ebitda
Outros indicadores importantes também apresentaram em evolução na comparação com o terceiro quarto do ano passado. Repercutindo a redução efetiva dos custos de produção, o Ebitda (geração operacional de caixa) aumentou 8,8%, passando de R$ 332,5 milhões para R$ 361,7 milhões.

Já a receita líquida ficou em R$ 445,1 milhões, crescimento de 6,3% na mesma base comparativa. "A elevação ocorreu, principalmente, devido ao reajuste do preço da energia do contrato bilateral em julho de 2009 e ao maior do volume de energia vendida para a AES Eletropaulo", afirma a distribuidora de energia em seu relatório.

Dividendos
Após a divulgação do resultado, o Conselho de Administração da AES Tietê aprovou a distribuição da totalidade dos R$ 221,4 milhões de lucro líquido apresentado neste trimestre na forma de dividendos aos seus acionistas. O pagamento corresponde a R$ 0,55 por ação ordinária e R$ 0,61 por ação preferencial.


hehe otima noticia entrei ontem nela tava de olho a um tempim hj bateu um medo nessa sangria toda do ibov mas ela seguro direitim e ainda subiu um poko agora vamo ver c descongestiona e passa os 20,40 :D .....

como funfa esses dividendos ate qndo tenhu q ficar pra receber?

Nov 12, 2009 21:22
Teimoso Forista Assíduo
Mensagens: 510
Teimoso
Registrado em:
Ago 07, 2008 21:32
 
 
frajolla escreveu:
Volution escreveu:
frajolla escreveu:AES Tietê vê lucro líquido crescer 17,9% durante o terceiro trimestre
12/11/09 - 19h10


SÃO PAULO - Divulgando seu resultado trimestral após o fechamento dos negócios desta quinta-feira (12), a AES Tietê (GETI4) apresentou um lucro líquido de R$ 221,4 milhões, crescimento de 17,9% em comparação ao mesmo período do ano passado, quando registrou ganhos de R$ 187,7 milhões.

Segundo o relatório da empresa, a expansão de sua lucratividade é reflexo do sucesso da política de redução dos custos e despesas operacionais, que durante o período somaram R$ 99,9 milhões, número 2,7% do que foi visto nos mesmos meses de 2008.

Além disso, a companhia destaca o reajuste anual do preço da energia vendida através de contratos bilaterais. Ajustado em julho de acordo com o IGP-M (Índice Geral de Preços do Mercado), o preço passou de R$ 149,72 para R$ 152,00. Em comparação ao segundo quarto deste ano, a expansão foi de 11,1%.

Receita e Ebitda
Outros indicadores importantes também apresentaram em evolução na comparação com o terceiro quarto do ano passado. Repercutindo a redução efetiva dos custos de produção, o Ebitda (geração operacional de caixa) aumentou 8,8%, passando de R$ 332,5 milhões para R$ 361,7 milhões.

Já a receita líquida ficou em R$ 445,1 milhões, crescimento de 6,3% na mesma base comparativa. "A elevação ocorreu, principalmente, devido ao reajuste do preço da energia do contrato bilateral em julho de 2009 e ao maior do volume de energia vendida para a AES Eletropaulo", afirma a distribuidora de energia em seu relatório.

Dividendos
Após a divulgação do resultado, o Conselho de Administração da AES Tietê aprovou a distribuição da totalidade dos R$ 221,4 milhões de lucro líquido apresentado neste trimestre na forma de dividendos aos seus acionistas. O pagamento corresponde a R$ 0,55 por ação ordinária e R$ 0,61 por ação preferencial.


hehe otima noticia entrei ontem nela tava de olho a um tempim hj bateu um medo nessa sangria toda do ibov mas ela seguro direitim e ainda subiu um poko agora vamo ver c descongestiona e passa os 20,40 :D .....

como funfa esses dividendos ate qndo tenhu q ficar pra receber?


num vi o cronograma ainda, mas zoia no link iniciantes e tem varios links para acompanhar agenda de dividendos, e veja se já tem o cronograma (datas) de dia COM e EX para GETI4/3 ou no site RI da AES Tietê
http://aestiete.infoinvest.com.br/

Boa noite!
Eu também procurei e não achei o último dia "COM". Mas, essa empresa costuma determinar o último dia "COM" no mesmo dia da divulgação do resultado.
Se assim for, amanhã a gente já pode vender que os dividendos estão garantidos.
Porém, é melhor certificar-se antes.
Abraços.
abç

Nov 12, 2009 21:24
Volution Estreante
Mensagens: 46
Volution
Registrado em:
Set 29, 2009 8:10
 
 
vlw frajola

A data
base para o direito ao recebimento do dividendo (“record date”) será o dia 12 de novembro de 2009 e as
ações passarão a ser negociadas (“ex-dividendos”) a partir de 13 de novembro de 2009.

1) Dividendos no valor de R$ 0,554009192 por ação ordinária e R$ 0,609410111 por ação preferencial.

2) O pagamento dar-se-á em 10 de dezembro de 2009.

essa noticia foi otima qse 3% ai bem q tinha estranhado o aumento do numero de negocios nela :D

Nov 16, 2009 20:19
Volution Estreante
Mensagens: 46
Volution
Registrado em:
Set 29, 2009 8:10
 
 
será q engrena?

Nov 20, 2009 19:12
Trader Devasso Estreante
Mensagens: 24
fui stopado
Trader Devasso
Registrado em:
Jul 17, 2008 12:41
 
 
fui stopado em 19,20...

Há algumas semanas o papel vem caindo ligeiramente, os indicadores são de baixa. Vou esperar uma definição para entrar novamente...

Este papel é excelente para longo prazo, especialmente pelos dividendos.

Dez 20, 2009 23:23
bochan Forista Assíduo
Mensagens: 1152
Avatar do usuário
Registrado em:
Jul 28, 2009 3:26
 
 
Pessoal,

Estou "namorando" GETI, de olho nos dividendos.

Estou pensando em GETI3, considerando (em 18/12):

- GETI3 16,85 -1,69% Vol=2,77M
- GETI4 18,75 +0,32% Vol=5,61M

GETI3 está bem mais barato, tem volume, e os bons dividendos. Não sei por que está tão mais barato que GETI4.

Se alguém puder comentar, agradeço.

abç.

Jan 12, 2010 20:10
talles dantas Estreante
Mensagens: 5
talles dantas
Registrado em:
Jan 07, 2010 9:05
 
 
ow , nunca recebi dividendos ... comecei a investir em dezembro .... , como faço para receber os dividendos ? , o que tenho que fazer ? , o dinheiro cai na conta da minha corretora automaticamente ? , tenho que me cadastrar em algum lugar ?, o que faço?

Jan 12, 2010 20:35
BuyAndHolder Forista Assíduo
Mensagens: 612
Re: fui stopado
Avatar do usuário
Registrado em:
Nov 27, 2007 0:04
 
 
Trader Devasso escreveu:fui stopado em 19,20...

Há algumas semanas o papel vem caindo ligeiramente, os indicadores são de baixa. Vou esperar uma definição para entrar novamente...

Este papel é excelente para longo prazo, especialmente pelos dividendos.


Hmm, não entendi o porquê do stop em uma ação visando dividendos e longo prazo. Acho que não faz sentido.


talles dantas escreveu:ow , nunca recebi dividendos ... comecei a investir em dezembro .... , como faço para receber os dividendos ? , o que tenho que fazer ? , o dinheiro cai na conta da minha corretora automaticamente ? , tenho que me cadastrar em algum lugar ?, o que faço?


Cai automaticamente na conta da corretora. Geralmente é pago trimestralmente, mas é só acompanhar as notícias da empresa (no site de RI)

Abs

Jan 13, 2010 0:58
TOBADINHA Forista Assíduo
Mensagens: 447
"ENXERGAR" no gráfico os dividendos...
Avatar do usuário
Registrado em:
Dez 15, 2009 21:51
 
 
talles dantas escreveu:ow , nunca recebi dividendos ... comecei a investir em dezembro .... , como faço para receber os dividendos ? , o que tenho que fazer ? , o dinheiro cai na conta da minha corretora automaticamente ? , tenho que me cadastrar em algum lugar ?, o que faço?


Vou sugerir vc acessar o gráfico q eu + uso pra isso:
http://graficocomparativo.valoriza.com.br

Ele plota bem colorido todas as bonificações das ações (das q pagam, obviamente).
P/ver esta do tópico (q por acaso é uma das q + paga), no quadrinho chamado "Código ação principal:", digite GETI3 e clique no "OK"

Depois olhe em baixo, à direita tá escrito "EVENTOS" e tem uns quadrinhos p/marcar. Marcando os "DIV"(verde) e "JUR" (laranja), vc visualiza tudo q ela já pagou... :P
Se vc colocar um código de uma ação q nunca pagou dividendos, quando marcar os quadrinhos DIV e JUR, ñ aparecem as bolinhas coloridas no gráfico... :( sem $$ extra...
Algumas pagam e ñ estão disponíveis neste gráfico (e algumas, como a ETER3, eles ñ atualizaram os dividendos no gráfico), daí acesse
http://www.dividendos.uni.cc/home.htm

Estou finalizando um longo trabalho sobre este assunto, em breve vou postar lá na aba "Educacional & Iniciantes", no tópico "Fixo: Dividendos - como funciona e estrategias", aguarde... :wink:

Jan 13, 2010 11:56
talles dantas Estreante
Mensagens: 5
talles dantas
Registrado em:
Jan 07, 2010 9:05
 
 
muito obrigado tobadinha ... , quando postar por gentileza poderia me mandar uma MP avisando pois tenho muito interesse no assunto dividendos , eu vi que tem empresas que pagam perto de 20% de dividendos , tipo 16 , 17 , os outros 4 , e 3 % acho que da pra ganhar com a valorização no ano... dando em média 20% de lucro( o que warren conseguia )

Fev 12, 2010 8:31
Loco Forista Assíduo
Mensagens: 137
Loco
Registrado em:
Set 29, 2008 14:18
 
 
Alguém sabe quando serão pagos os dividendos? E quando ela fica ex?

Fev 14, 2010 4:26
TOBADINHA Forista Assíduo
Mensagens: 447
pagtos Dividendos
Avatar do usuário
Registrado em:
Dez 15, 2009 21:51
 
 
Cláudio,
A GETI, na maioria das vezes, liberou o depósito p/CC do acionista ~30d após a DATA´EX´.
Se ela continuar c/a regularidade dos 3 últimos anos, a próx DATA´EX´ poderá ser entre 20-28 de abril.
:wink:

Fev 26, 2010 18:59
Cadu_28 Forista VIP
Mensagens: 13655
Avatar do usuário
Registrado em:
Nov 10, 2008 18:40
 
 
Analista reforça recomendação para a AES Tietê após alta no IGP-M

Por: Equipe InfoMoney
26/02/10 - 17h42
InfoMoney

SÃO PAULO - O analista Marcos Severine, da Itaú Corretora, reforçou nesta sexta-feira (26) sua recomendação de compra aos papéis preferênciais da AES Tietê (GETI4), considerando o papel uma boa opção em um cenário de inflação mais alta, "visto que a empresa tem 100% de sua receita reajustada uma vez ao ano pelo índice".

A boa perspectiva da corretora em relação aos papéis da companhia segue o aumento de 1,18% marcado pelo IGP-M (Índice Geral de Preços - Mercado) em fevereiro. Além disso, os analistas da Itaú possuem expectativas otimistas para o comportamento inflacionário no País ao longo dos próximos meses, o que é favorável aos papéis da AES Tietê.

Em relatório, Severine destaca que a companhia possui um valuation atraente, com um potencial de valorização elevado em relação ao preço atual dos ativos e um risco associado menor, além de ser uma importante pagadora de dividendos. A corretora estima dividend yield de 12,5% em 2010 e de 14% em 2011 para os papéis da AES.

Outras recomendações
Cabe destacar que os papéis ordinários da companhia também chamam atenção de outros analistas. De acordo com o MCI elaborado pela InfoMoney em fevereiro, os ativos GETI3 receberam nota 5,0 - máxima - em decorrência das boas perspectivas ao setor elétrico e da forte política de pagamento de proventos da AES Tietê.

Fev 26, 2010 19:00
Cadu_28 Forista VIP
Mensagens: 13655
Avatar do usuário
Registrado em:
Nov 10, 2008 18:40
 
 
Pela primeira vez, ordinárias da AES Tietê têm preferência no consenso do mercado

Por: Equipe InfoMoney
26/02/10 - 11h56
InfoMoney

SÃO PAULO - Pela primeira vez desde que teve início a relação - em fevereiro de 2007 -, as ações ordinárias da AES Tietê conseguiram a preferência dos analistas em fevereiro, de acordo com o MCI (índice de consenso de mercado) elaborado pela InfoMoney. O indicador, que compila a análise de 24 corretoras e bancos de investimento, atribui a nota 5,00 (máxima) aos ativos da AES, refletindo principalmente as boas perspectivas ao setor elétrico e as projeções de distribuição de dividendos da companhia.

Para uma melhor interpretação do MCI, é sempre importante considerar o número de avaliações atribuídas a cada ativo. Uma maior quantidade de opiniões tende a tornar mais robusta a sugestão. Neste caso especificamente, vale ressaltar que os papéis da AES Tietê receberam o limite mínimo para ser considerado dentro da metodologia do indicador: três sugestões.

Outro ponto importante do indicador é que ele considera os princípios de análise fundamentalista, sendo, portanto, mais recomendado para investidores que atuam com foco no longo prazo.

AES Tietê
Em linhas gerais, as boas perspectivas para o setor elétrico no Brasil e a favorável política de distribuição de dividendos da AES Tietê foram os principais drivers na recomendação de forte compra. Considerando os resultados observados no terceiro trimestre do ano passado e novas perspectivas para o cenário econômico brasileiro, a Itaú corretora revisou recentemente o preço-alvo e a classificação das ações do setor de energia elétrica sob seu universo de cobertura, mantendo um olhar positivo para 2010.

Voltando sua atenção para este ano, os analistas da divisão de corretagem do banco projetam um fortalecimento da recuperação do consumo e ainda elevação nos preços de energia. Já no âmbito político, a aproximação das próximas eleições deve trazer um fluxo de notícias que pode favorecer o setor.

Abandonando números desfavoráveis, como a queda de 1,1% no consumo em 2009, a Itaú focou na perspectiva a longo prazo para o segmento, incorporando múltiplos descontados e ainda as estimativas de alta nos preços de energia. Segundo aos analistas, “as previsões para 2010 e os anos seguintes parecem mais atraentes para empresas com exposição à geração e crescimento e também para aquelas com múltiplos descontados”. Os papéis da AES Tietê receberam recomendação outperform - acima do desempenho do mercado - da Itaú Corretora.

Outro ponto que pesou favoravelmente às recomendações foram as divulgações de proventos da AES. Dado a relativa estabilidade de seus resultados trimestrais, o setor elétrico é reconhecidamente tido pelos analistas como um dos mais defensivos na bolsa. Para a equipe da Brascan Corretora, no entanto, a AES Tietê é “um ativo defensivo até mesmo dentro de seu setor”.

A visão da Brascan deve-se ao contrato que a companhia possui com a AES Eletropaulo, por meio do qual possui sua energia assegurada até 2015, baseada em um alto patamar tarifário de R$ 152,00 por megawatt/hora, acima da média do setor.

Telemar Norte Leste
Também se beneficiando das avaliações favoráveis dos especialistas, os papéis da Telemar Norte Leste atingiram 10 recomendações e permaneceram na segunda posição no MCI, com nota 4,56. Para a companhia, o otimismo decorre dos ganhos de sinergia, após a aquisição da Brasil Telecom Participações, que se refletiram em bom desempenho dos seus papéis.

As mais recomendadas:
Ação MCI Avaliações
AES Tietê ON 5,00 3
Telemar Norte Leste PNA 4,56 10
American Banknote ON 4,50 5
Duratex ON 4,50 10
Localiza ON 4,47 9
Marfrig ON 4,41 9
Anhanguera Educ. unit 4,41 8
ALL unit 4,40 13
Oi PN 4,34 12
Itaúsa PN 4,31 9

Mar 01, 2010 10:12
Cadu_28 Forista VIP
Mensagens: 13655
Avatar do usuário
Registrado em:
Nov 10, 2008 18:40
 
 
BNDES e fundos devem financiar "superelétrica"
Autor(es): LEILA COIMBRA e LEONARDO SOUZA DA SUCURSAL DE BRASÍLIA
Folha de S. Paulo - 01/03/2010


Governo monta operação para consolidar setor sob comando da Camargo Corrêa

Aquisição de controle da Neoenergia e da Brasiliana custaria até R$ 17 bilhões; governo pressiona para que americana AES deixe o país

O Palácio do Planalto já começou a montar a operação financeira e societária para a criação da "superelétrica" a ser comandada pela empreiteira Camargo Corrêa. O governo quer que os fundos de pensão das estatais e o BNDES injetem recursos na nova empresa.
Pelo formato avalizado pelo Planalto, a CPFL (controlada pela empreiteira) será a cabeça da companhia. Num primeiro momento, incorporaria a Neoenergia, na qual a Previ (fundo dos funcionários do Banco do Brasil) e o próprio BB têm a maior parte do capital votante. Depois, já capitalizada, a elétrica compraria a Brasiliana (holding controladora de Eletropaulo, AES Sul e AES Tietê).
Assim, conforme a Folha antecipou no mês passado, seria criada uma gigante no setor, com mais de um terço da distribuição de energia no país.
Cálculos preliminares apontam a necessidade de R$ 15 bilhões a R$ 17 bilhões para a aquisição da participação majoritária nas duas empresas.
Analistas de mercado avaliam que a operação faz todo o sentido para a Previ. Ela também é sócia da CPFL, o que gera conflito de interesses devido à sua participação na Neoenergia. Com a fusão das duas, a Previ integraria o bloco de controle da nova companhia a partir da CPFL, que continuaria sob o comando da Camargo.
Fonte ligada às transações diz que a Previ faria um movimento parecido com o que a Andrade Gutierrez fez na Light, vendendo sua fatia na concessionária mas se posicionando na controladora, a Cemig, que hoje é a dona da Light.
Um dos mecanismos estudados pelo governo para viabilizar as transações é a criação de um Fundo de Investimento em Participações (FIP), cujos cotistas seriam principalmente os fundos de pensão -Previ, Petros (Petrobras) e Funcef (Caixa Econômica Federal)- e a BNDESPar, braço de participações do BNDES. O FIP faria parceria com a CPFL na compra das outras duas elétricas.
A estratégia faz parte da decisão do governo Lula de fomentar a formação de grandes grupos nacionais. A ministra Dilma Rousseff já disse publicamente que apoia o negócio e que a concentração no setor é uma tendência global.
Na Brasiliana, o maior obstáculo é societário. A americana AES, sócia do BNDES na holding, não mostra disposição de vender sua parte. O BNDES tem 53,85% do capital total, mas a operação é da AES, que tem maioria do capital votante.
Pelas regras atuais, tanto BNDES como AES não podem negociar diretamente com ninguém. A oferta das ações tem de ser por leilão. O governo já havia tentado colocar a fatia do BNDES à venda, mas como a AES tem direito de preferência, acabou desistindo.
No último mês, a AES alardeou que está capitalizada, pois recebeu injeção de US$ 2 bilhões do fundo soberano chinês, e que estaria disposta a ficar no Brasil e até elevar a sua presença. Fontes próximas à ministra disseram que ela considerou a atitude dos americanos "uma afronta pessoal".
A ordem foi partir para uma pressão direta para que a AES deixe o país. A Folha apurou que o BNDES já negocia a saída dos americanos da sociedade e que a discussão agora é só o preço. Executivo familiarizado com o negócio disse que a CPFL provavelmente terá de pagar caro pela Brasiliana, mas, diante de boa oferta, a AES não teria motivo para não vender.
Outra dúvida é a possibilidade de o leilão atrair rivais interessados na Eletropaulo. Para executivo do setor, dificilmente um grupo teria musculatura financeira para bater a Camargo, turbinada pelos fundos e o BNDES. Segundo ele, as grandes múltis de energia estão fragilizadas pela crise global.

Mar 10, 2010 13:57
Cadu_28 Forista VIP
Mensagens: 13655
Avatar do usuário
Registrado em:
Nov 10, 2008 18:40
 
 
Para Brascan, resultado da AES Tietê deverá revelar melhora na passagem anual

Recomendar!
Por: Equipe InfoMoney
10/03/10 - 12h45
InfoMoney


SÃO PAULO - Com a divulgação do resultado da AES Tietê (GETI4) agendada para a quinta-feira (11), Rafael Quintanilha, da Brascan Corretora, revelou suas estimativas. Segundo seus cálculos, o lucro líquido da empresa deverá crescer 7,0% na passagem do quarto trimestre de 2008 para os mesmos três meses no ano passado.

O reajuste tarifário feito em julho justifica tal incremento, além da retração nas despesas com transmissão e conexão. "Lembramos que a empresa tem a totalidade da sua energia assegurada contratada junto à AES Eletropaulo (ELPL6), com a venda da energia excedente ocorrendo no mercado spot", ressalta a corretora.

São exatamente os preços no mercado corrente, que se mantiveram em patamares baixos ao longo do quarto trimestre, que devem impedir que os balanços revelem uma melhores na comparação trimestral.

Confira as projeções:
R$ Milhões 4T09* 3T09 4T08 Comparação trimestral Comparação anual
Receita líquida 436,8 444,1 423,4 -1,7% +3,2%
Ebitda** 353,0 357,7 318,8 -1,3% +10,7%
margem Ebitda*** 80,8% 80,5% 75,3% +0,03 p.p. + 5,5 p.p.
Lucro líquido 211,7 211,7 197,8 -6,7% +7,0%

Mar 10, 2010 17:17
Loco Forista Assíduo
Mensagens: 137
Loco
Registrado em:
Set 29, 2008 14:18
 
 
Cadu, como vc acha que o mercado vai reagir aos resultados? E os dividendos, será anunciado também amanhã?

Cadu_28 escreveu:Para Brascan, resultado da AES Tietê deverá revelar melhora na passagem anual

Recomendar!
Por: Equipe InfoMoney
10/03/10 - 12h45
InfoMoney


SÃO PAULO - Com a divulgação do resultado da AES Tietê (GETI4) agendada para a quinta-feira (11), Rafael Quintanilha, da Brascan Corretora, revelou suas estimativas. Segundo seus cálculos, o lucro líquido da empresa deverá crescer 7,0% na passagem do quarto trimestre de 2008 para os mesmos três meses no ano passado.

O reajuste tarifário feito em julho justifica tal incremento, além da retração nas despesas com transmissão e conexão. "Lembramos que a empresa tem a totalidade da sua energia assegurada contratada junto à AES Eletropaulo (ELPL6), com a venda da energia excedente ocorrendo no mercado spot", ressalta a corretora.

São exatamente os preços no mercado corrente, que se mantiveram em patamares baixos ao longo do quarto trimestre, que devem impedir que os balanços revelem uma melhores na comparação trimestral.

Confira as projeções:
R$ Milhões 4T09* 3T09 4T08 Comparação trimestral Comparação anual
Receita líquida 436,8 444,1 423,4 -1,7% +3,2%
Ebitda** 353,0 357,7 318,8 -1,3% +10,7%
margem Ebitda*** 80,8% 80,5% 75,3% +0,03 p.p. + 5,5 p.p.
Lucro líquido 211,7 211,7 197,8 -6,7% +7,0%

Próximo

Voltar para Mid Caps

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 0 visitantes

cron